• publicidade

Egresso trabalha na maior rede de atendimento PET da Ásia

Por Funcionarios AWR
In Notícias
junho 29, 2018
0 Comentários
66 Views

Medicina Veterinária da Max Planck

O sonho de trabalhar fora do país para ter uma experiência internacional na carreira é almejado por muitos estudantes. Cada vez mais, as pessoas têm buscado essa opção de crescimento. Ao mesmo tempo, alguns países querendo movimentar a economia com a força do trabalho jovem e estrangeiro, desenvolveram programas para incentivar e facilitar essa mudança. E, Gustavo de Oliveira Palomio, de 26 anos, é um exemplo de profissional que conseguiu alcançar o sucesso na carreira internacional.
Gustavo Palomio é egresso do curso de Medicina Veterinária da Faculdade Max Planck e se mudou para cidade de Xangai, na China, onde atualmente trabalha como responsável por 2 unidades do hospital PetZoo, uma das maiores redes do ramo Pet da Ásia. “Eu vim para China para mudar de ambiente, inicialmente. Eu já conhecia amigos que trabalhavam aqui e a China hoje é uma grande potência que tem mercado, trabalho crescente, economia disparada e valorização do profissional. O que não significa que foi ou tem sido fácil, pois a minha chegada aqui foi um grande choque, embora eu more em Shanghai, uma cidade de 26 milhões de habitantes e muito internacional, a cultura chinesa é muito diferente dos nossos costumes”, afirma.
Na China o egresso compreendeu a importância do curso de Medicina Veterinária e colocou em prática todos os ensinamentos para conseguir a oportunidade. “Eu sempre quis trabalhar com animais e cursar Medicina Veterinária foi um sonho de criança, hoje sinto-me realizado na profissão, obviamente ainda tenho muito a percorrer. Inicialmente não tinha a intenção de trabalhar, pois achava que seria impossível devido ao idioma. O processo seletivo não foi fácil, passei por entrevista e depois um teste e me saí muito bem. E com certeza o curso de Medicina Veterinária da Faculdade Max Planck foi o que ajudou muito, pois coloquei em prática quase tudo que aprendi. Eu acho que se tivesse a mentalidade que tenho hoje, quando iniciei a faculdade, teria aproveitado mais, acho que naquela época, não entendia tanto sobre o uso das disciplinas básicas que aprendi e não dava a devida importância. Daria tudo para poder assistir mais uma aula de fisiologia do professor Flávio Faro”, explica Gustavo Palomio.
A experiência internacional trouxe muitas conquistas pessoais e profissionais para o egresso. “Tive muitas dificuldades ao chegar à China e com certeza a língua foi e ainda é a primeira delas. Hoje domino o básico para sobreviver e muitos medicamentos são escritos em Chinês, além de diversos outros medicamentos que não são convencionais para uso na América. E, acho que minha maior conquista é ver que superei isso, enfrentei de peito aberto vir para cá, morar longe da minha família, em um país como a China, conseguir um trabalho na minha área e ainda ter reconhecimento profissional e financeiro. Acho que nenhuma outra experiência na minha vida me mudou tanto”.
Gustavo Palomio afirma que continuará estudando e comenta sobre a aproximação com os brasileiros fora do país. “Hoje eu faço gerenciamento de dois hospitais, por ser estrangeiro boa parte de nossos clientes são estrangeiros e não falam mandarim. Tenho muitos clientes brasileiros, e a melhor parte disso, é que mesmo que esteja conhecendo esse brasileiro pela primeira vez, a conexão é grande entre a gente, acho que todos aqui sentem falta de casa, e conhecer outra pessoa na mesma situação que a tua, ajuda muito. A maior parte do meu trabalho é clínica e ambulatorial. Eu tenho planos de iniciar um mestrado em breve, porém qualquer curso na área da Medicina Veterinária é em mandarim, o que dificulta muito por enquanto. Outra coisa que acho importante é o inglês. Se eu não falasse inglês, jamais teria conseguido a metade do que consegui, óbvio que o contato com muitos nativos, ajudou muito e hoje posso falar de verdade que falo inglês”.
Gostaria de se tornar um médico veterinário de sucesso? A Faculdade Max Planck tem o curso certo para você! Inscreva-se no Vestibular de Inverno 2018 da Max Planck. Todos os cursos da Instituição possuem 50% de aulas práticas desde o início, corpo docente altamente qualificado e infraestrutura moderna, com salas de aula e laboratórios equipados de acordo com as necessidades do mercado de trabalho. Agende sua prova ainda hoje! Terças e quintas-feiras, às 19h e aos sábados, às 9h30. Acesse: www.faculdademax.edu.br. Max Planck a faculdade de Indaiatuba!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *