• publicidade

Prefeitura realiza campanha para orientar sobre utilização correta de Ecopontos

Por Funcionarios AWR
In CIdade
fevereiro 21, 2020
0 Comentários
24 Views

Ecoponto2 (1)

Foto Arquivo-Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba inicia uma campanha para orientar a população sobre o descarte correto do lixo e evitar o acúmulo de materiais no entorno dos pontos da coleta de recicláveis. O objetivo é informar sobre os serviços específicos que o município oferece para que a população possa depositar recicláveis, móveis velhos e até entulhos gerados de pequenas reformas. Além de 37 Ecopontos distribuídos nos bairros, a Prefeitura também disponibiliza um Ecoponto de Inertes no bairro João Pioli e o serviço da Operação Cata Bagulho que percorre toda a cidade.
As ações incluem mensagens em outdoors distribuídos em pontos estratégicos da cidade, mensagens nas redes sociais da Prefeitura e veículos de imprensa e orientação com agentes ambientais diretamente nos Ecopontos.
A Corpus Saneamento e Obras, que tem a concessão do serviço da coleta de lixo no município, está colaborando com as ações e tem disponibilizado agentes ambientais para fazer ronda nos Ecopontos onde são registrados mais problemas com descarte irregular. Os agentes orientam a população sobre a utilização correta do modelo subterrâneo e também sobre os materiais que podem ser descartados no local.
No Jardim Europa e na Viber o problema de lixo no entorno tem sido constante, mas os agentes ambientais também estão trabalhando na Vila Mercedes, Avenida Ário Barnabé e Parque Ecológico.
O Prefeito Nilson Gaspar reforçou que a proposta da campanha é pedir ajuda da população para manter a cidade limpa e despertar nos munícipes a responsabilidade com a preservação do meio ambiente.
Ecopontos: a Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente orienta que nos Ecopontos, sejam subterrâneos ou de alvenaria, é permitido apenas o descarte de materiais recicláveis como papel, plástico, vidro, metal e óleo de cozinha usado e devidamente embalado em garrafas plásticas. O ideal é que o vidro quebrado seja colocado em uma embalagem de papelão para não se misturar com os outros materiais e evitar acidentes na triagem. O modelo subterrâneo começou a ser utilizado em Indaiatuba em 2018 e desde então 25 pontos do município já foram atendidos com a novidade. O sistema inibe invasões e vandalismo e sua implantação no município veio justamente com a proposta de tornar o entorno mais limpo.
Cata Bagulho: as pessoas que precisam descartar móveis e objetos velhos, madeiras e restos de podas de árvores de calçadas podem utilizar a Operação Cata Bagulho. O cronograma da coleta pode ser conferido no site da Prefeitura – www.indaiatuba.sp.gov.br. É importante que os interessados confiram as datas da Operação, pois os materiais só deverão ser colocados na calçada no dia anterior à data marcada.
Caso haja necessidade da retirada de materiais fora das datas disponibilizadas na programação, o contribuinte pode fazer o agendamento na Secretaria, por meio do telefone (19) 3825-5410.
A coleta é realizada duas vezes por semana, sempre às segundas e quintas-feiras, exceto em feriados, com início dos trabalhos às 7h.
Inertes: no Ecoponto de Inertes a população pode levar, além de todos os materiais permitidos nos Ecopontos comuns e no Cata Bagulho, os entulhos gerados por pequenas obras de reforma, lixo eletrônico, pilhas e baterias. O espaço foi criado principalmente para inibir descartes irregulares de entulhos de construção em terrenos e áreas verdes da cidade, que prejudicam a limpeza urbana, o meio ambiente e até a Saúde Pública.
Semanalmente, são depositados no local mais de 60 toneladas de entulho de construção civil. O endereço do Ecoponto de Inertes é avenida Artes e Ofícios, no Jardim João Pioli. O serviço funciona todos os dias, das 7h às 19h, incluindo os finais de semana.

Comentários estão desabilitados