• publicidade

Prefeitura faz estudo para avaliar incidência da Covid-19 no município

Por Funcionarios AWR
In CIdade
junho 26, 2020
0 Comentários
15 Views

03 - Testecovid-19 - Divulgação

Foram testadas 768 pessoas com sorologia IgG para Covid-19

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Secretaria de Saúde, realizou no dia 6 de junho um estudo soroepidemiológico com a participação de 768 pessoas, seguindo protocolo da OMS (Organização Mundial de Saúde) para determinar o alcance da infecção na população geral e a incidência cumulativa da infecção com base na soropositividade. A ação foi realizada na Fiec (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) durante todo dia, e cerca de 50 Profissionais de Saúde participaram da testagem. A população testada foi escolhida a partir de um estudo randomizado, que é a escolha aleatória dentro da população conforme sexo, idade e região de residência. As pessoas foram escolhidas de acordo com os territórios de atendimento das Unidades de Saúde, abrangendo assim todo município. Foram selecionados homens e mulheres com idade igual ou superior a 2 anos e o exame colhido foi a sorologia IgG; a cidade é uma das primeiras da região a adotar esse método autorizado recentemente pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), por já possuir o equipamento laboratorial Abbott Architect®. De acordo com a secretária de Saúde, Graziela Garcia, esse é um grande passo para a cidade. “Este estudo deu-nos a possibilidade de saber a parcela da população que já entrou em contato com o vírus e assim podemos nortear a Gestão Municipal na estratégia de combate ao Coronavírus. Além de visualizar o alcance, esse estudo também determina a fração de infecções dos assintomáticos permitindo avaliar os fatores de risco de infecção, comparando a exposição de indivíduos infectados e não infectados, assim como avaliar a nossa taxa de letalidade”, explica. Após a coleta dos exames a Equipe de Gestão da Secretaria de Saúde constatou que 2% foram positivos, o que corresponde a cerca de 5 mil pessoas/habitantes de Indaiatuba imunes ao vírus. Dos positivos, 25% foram do Jardim Morada do Sol e 18,75% do Jardim Oliveira Camargo. Ações como essa permitem orientar a Gestão Municipal para priorizar regiões com maior circulação do vírus.
Com base nesse primeiro resultado foi realizada uma ação de testagem no bairro Jardim Oliveira Camargo, como desdobramento do estudo. A ação aconteceu no sábado (13), onde durante todo dia uma Equipe da Saúde com 36 pessoas, incluindo médicos, atuou no bairro junto ao Consultório Móvel para atender e testar aquela população. A equipe da Secretaria de Saúde passou nas residências para monitoramento e coleta de exames de sorologia IgG e PCR-RT. Foram testadas 267 pessoas em aproximadamente 90 casas, também foram distribuídas máscaras de proteção. Até o momento foram detectados 33 RT-PCR positivos e 28 sorologias IgG positivas. O próximo bairro a receber essa ação será o Jardim Morada do Sol.

Comentários estão desabilitados